Cerca de  600 alunos do 9º ano de 12 escolas participaram nos dias 16 e 23 de agosto no evento Manhã do Futuro, evento organizado pelo #TamoJunt9ano, movimento que articula organizações públicas e privadas de Niterói e São Gonçalo em prol da educação para ampliar oportunidades educacionais dos jovens na fase de transição do  Ensino Fundamental para o Ensino Médio em escolas públicas de qualidade.

Durante os dois dias de evento, o protagonismo foi dos estudantes e das escolas e organizações parceiras. Os estandes do Colégio Estadual Guilherme Briggs, IFRJ – Campus São Gonçalo, Colégio Brasil-China, Colégio Pedro II, Instituto JCA e Projeto Escolhas abordaram diferentes temáticas e projetos relacionadas conteúdos do ensino médio, orientação vocacional e temas transversais como diversidade sexual. Já a oferta de oficinas foi bem diversificada, para todos os gostos: capoeira, teatro, passinho, fotografia, dança, desenvolvimento de jogos digitais, entre outras. No palco, além da programação recheada de música, teatro e dança, foi realizada o lançamento de um vídeo produzido por alunos da rede pública que fizeram parte da turma da oficina de Vídeo Participativo facilitada pela Paiol Cultural. Clique aqui e veja o vídeo participativo lançado durante a Manhã do Futuro.

Entre os 14 convidados presentes nos dois dias de atividades, a participação de Monique Evelle foi um dos destaques do dia 16 de agosto. Monique é idealizadora da plataforma Desabafo Social, eleita pelo blog Blogueiras Negras como uma das 30 mulheres negras mais influentes do país e com envolvimento direto nas áreas de educação, inovação e empreendedorismo. A oficina facilitada por ela teve como pergunta norteadora: ’Há espaço para todo mundo no futuro?Segundo ela, dialogar com os jovens é ideal para que novas perspectivas para o futuro sejam alcançadas. “A sociedade colocou na cabeça dos jovens negros e pobres, que eles não podem sonhar e eles sabem disso, direta e indiretamente. Quando começo a usar a mesma narrativa que eles, o diálogo fica mais fácil. A partir disso pude entender um pouco mais da história e buscar formas de fazer as nossas crianças voltarem a sonhar ’’ enfatiza.

Gabi Oliveira, comunicóloga e um das Youtubers com maior audiência do Brasil também foi uma das facilitadoras na Manhã do Futuro. Ela afirma que se reconhece nos jovens e lembra que passou pelas mesmas incertezas sobre como se projetar para o futuro. “Quando vi que muitas crianças têm dúvidas do que vão seguir quando concluírem o Ensino Médio, lembrei que nessa fase da vida, muito provavelmente, essa seria minha resposta. Espero que eu e a Sil Bahia tenhamos conseguido incentivar e fazer com que elas se interessem em descobrir qual é o potencial delas. Os jovens de periferia estão sem perspectiva, então conversar e guiar esses jovens as possibilidades de futuro é essencial,’’ destaca a youtuber e ex aluna da Escola Técnica Estadual Henrique Lage (Faetec).

Rosane Feu, coordenadora de Geografia do município de Niterói e integrante da Diretoria de 3o e 4o ciclos vê o evento como lugar de diálogo direto com os adolescentes, onde eles puderam se sentir à vontade em absorver diferentes possibilidades de trajetórias “É maravilhoso podermos proporcionar aos nossos alunos da rede pública momentos tão ricos de arte, cultura e educação, usando uma linguagem tão alinhada quanto a deles. Vê-los

participando de todas as propostas foi gratificante. Espero que o evento tenha contribuído no alargamento de oportunidades para o futuro de todos que estiveram conosco ’’ afirma.

Kenia Costa, analista de projetos do IJCA, argumenta na mesma linha ao afirmar que  o diálogo que o movimento promove com essa ação atinge diretamente o jovem. “O que as organizações que articulam esse movimento esperam como resultado é provocar nos alunos que participam dessa ação a pensar o futuro a partir de agora, saber que existem possibilidades para seu futuro educacional e as escolhas dos caminhos possíveis para alcançá-las. Estimular de tal forma que esse jovem impactado seja multiplicador dessas idéias.’’ destaca.

As organizações articuladoras do movimento #TamoJunto9ºano são o Instituto Jelson da Costa Antunes (IJCA), a Secretaria Municipal de Educação de São Gonçalo (SEMED -SG), Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia de Niterói (SEMECT), Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ) – Campus São Gonçalo e Paiol Cultural. O evento contou com o apoio em mobilidade das empresas Viação Mauá, Auto Viação 1001, Fagundes, Miramar, Expresso Barreto e Santo Antônio para o deslocamento dos estudantes da escola ao evento.